Passatempos de verão

 

O verão ainda está cá e é uma ótima altura para desfrutar dos seus passatempos.

Aproveite a oportunidade para “mergulhar” nas suas prateleiras e arrumos e descubra se tem acessórios específicos de verão a mais. Se ainda não lhes pegou, aproveite para fazer agora a prova dos nove! Pegue nos seus “brinquedos” de verão, ponha-os a uso e tente perceber se ainda lhe dá gosto ou não.

Por definição, a palavra passatempo ou hobby significa uma atividade que é praticada por prazer nos tempos livres. Ou seja, é algo que deve ser usufruído e que nos dê prazer, não uma tarefa ou algo que se vá acumulando para apanhar pó.

Assim, se guarda coisas de verão mas não tem a certeza se ainda gosta delas, esta é uma boa altura para questionar. Aqui vão alguns exemplos:

Desporto ao ar livre

Canoagem, pesca, ténis, vólei de praia… Todos estes desportos ao ar livre são ricos em acessórios (alguns bastante volumosos) e só trazem bem-estar se forem efetivamente praticados. Se já não tem gosto em fazê-lo, não guarde os apetrechos só para “um dia” que seja preciso. Valem o valor que lhe ocupam em casa? De qualquer das formas, muitas destas peças podem ser alugadas ou emprestadas, assim que lhe apeteça voltar a praticar esse desporto.

Jardinagem

Faz parte dos seus planos crescer legumes, flores ou árvores, mas realmente tem por hábito ir ao mercado comprar e não tem muita paciência para mexer na terra? Então talvez não seja o hobby ideal para si. Plantas e jardinagem são por si só um estilo de vida que engloba bastante empenho e interesse, por isso deve ser relativamente fácil identificar se tira prazer desta ocupação ou não.

Praia

Raquetes, bolas e afins. Se é mais uma pessoa de caminhadas, leituras e sonecas, não sinta a pressão de ser activo na praia. Para si talvez seja mais importante ter um momento de sossego e relaxe. Se for o caso, aceite essa sua faceta e dessa forma será mais simples para si libertar objectos desnecessários.

Piquenique e Barbecue

Sejam pratos e talheres descartáveis (que a propósito, não são amigos do ambiente), ou um grande grelhador com os  acessórios específicos, perceba se ainda fazem parte do seu ideal de verão. Se é um apreciador, use e abuse do que tem. Mas se por exemplo faz um piquenique por mês nesta altura, ou acha mais simples grelhar o peixe no fogão talvez possa usar soluções mais simples e tirar proveito de objetos que já tem na cozinha.

Em conclusão, a verdade é que por vezes a ideia de fazer ou criar algo, é mais apetecível do que o próprio acto de o fazer. Assim é importante que consiga ser honesto com o que realmente gosta de fazer, e não se agarrar a projetos que não lhe dão alegria.

Um comentário em “”

Os comentários estão fechados.