Inspira

 

Todos nós estamos a passar por uma fase inédita, algo por que nunca passámos.
E neste isolamento tem havido um crescente de stress e ansiedade. Se estamos em família, há mais discussões e atrito; se vivemos sozinhos, há solidão e falta de contacto humano.
No entanto há várias formas de contornar este problema e aliviar alguma da tensão que se vai acumulando. Uma técnica que costuma mostrar bons resultados é a meditação.

Talvez pense que a meditação não é para si… Pense melhor.

São inúmeros os benefícios deste tipo de “exercício”, praticado por todo o tipo de pessoas, dos mais diversos estratos sociais e estágios da vida.
E de qualquer das formas… porque não tentar? Tem tempo nas mãos e está a passar por uma altura mais complicada. O que tem a perder?

 

 

Há quem prefira fazê-lo sozinho, ou com acompanhamento – a chamada meditação guiada. Ajuda-nos a não distrair e a focar no processo. Pode durar dois minutos, dez, vinte – como se sentir mais confortável.

Felizmente existem várias aplicações para telemóvel, com diferentes tipos de abordagem e com versões gratuitas. Ainda estou no início deste processo e estou a tentar descobrir o que funciona melhor comigo, qual a melhor altura do dia, etc.
Mas aqui vão algumas sugestões para tentar aí em casa:

Para quem tem facilidade no inglês:
• Calm
• Headspace
• Breethe
• Present
• Ten percent
• Oak
• Resilio
• Balance

Em brasileiro (infelizmente não conheço em português):
• Medite.se
• Lojong
• Zen
• Meditação
• Meditopia

Para se evitar dispersar, a melhor forma de o fazer é testar uma aplicação de cada vez, durante alguns dias seguidos e depois passar para a próxima. Assim dá uma oportunidade a cada versão para compreender com qual se identifica mais.

Faça por manter este hábito – mesmo para além da quarentena .É bom para si!

 

 

Foco é dizer não

 

O nosso dia-a-dia é recheado de acontecimentos e afazeres.
Objectivos no trabalho, assuntos pessoais por resolver, família, tarefas domésticas, vida social, passatempos… Enfim! Quanto temos muitos pratos na mão, torna-se complicado focarmo-nos no que é importante.

Nos dias de hoje acreditamos no “multi-tasking”, ou seja, fazer várias coisas em simultâneo e estar em dois ou mais sítios ao mesmo tempo. Tudo à nossa volta nos faz crer que isto é possível – ou pior – uma obrigação!

Porém, na prática, vemos que isso não é viável. Cada vez mais nos sentimos cansados e com pouca capacidade de concentração… já sem falar na ansiedade que sentimos no quotidiano ou frustração quando temos tanto para fazer e tão pouco tempo!

Por exemplo, em nossa casa quando vemos demasiadas coisas fora do sítio e mil-e-uma tarefas por fazer, só queremos fugir! Por isso é que ter o lar organizado e sem confusão transmite tranquilidade.

 

 

Então, apelo ao Fazer Uma Coisa De Cada Vez! Que na realidade, nos faz poupar tempo.
Quando damos importância a uma coisa de cada vez,  é quando conseguimos melhores resultados! Deixe as outras coisas de lado, e verá que o que decidir fazer, vai fazê-lo melhor! Com mais intenção e atenção.

Se tem dificuldade em priorizar, apontar na agenda é uma boa solução. Por mais trivial que pareça a tarefa, reserve um tempo para ela e aponte. Chegando o momento, deixe tudo o resto e foque-se nesse objectivo, sem outras distrações. Nem que seja ver o tal filme que há tanto queria, ou simplesmente descansar!

 

Algumas pessoas acham que foco significa dizer SIM a algo em que se vai se focar. Mas não é disso que se trata. Foco significa dizer NÃO às centenas de outras boas ideias e actividades que existem.
É preciso selecionar cuidadosamente. Foco é dizer não.”

-Bill Gates

ESPAÇO VERTICAL

 

Conhece o carrinho de apoio da cozinha? Pois é, um artigo muito útil quando é preciso arrumação para mercearias e afins. As rodinhas e várias prateleiras fazem deste um item muito versátil não só para a cozinha, mas para toda a casa.
Vejamos algumas ideias de como pode aproveitar o facto de ser tão móvel e de criar espaço vertical. O importante é pensar fora da caixa, deixar os preconceitos de lado e visualizar soluções originais!

Desde organizar os seus hobbies, os artigos de limpeza ou até criar um pequeno jardim vertical… tudo vale! Pode servir de mesinha de cabeceira, um mini-bar para a sala ou até para arrumar de forma prática as coisas dos miúdos! Imaginação precisa-se!

 

Pode também ver mais ideias para aproveitar o espaço vertical aqui ou aqui!